quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

CURSO GRATUITO PARA OS EDITAIS 2014 EM ILHÉUS


A SECULT lançou 21 editais setoriais com recursos do Fundo de Cultura da Bahia para apoio a propostas culturais de todas as linguagens e tipos, são R$41 milhões para projetos. Alguns municípios foram selecionados para receber uma Oficina de Fomento à Cultura que visa capacitar os interessados a preencher o formulário e enviar sua proposta obedecendo ao edital visando concretizar o projeto, Ilhéus foi um dos municípios escolhidos.


A oficina ocorrerá no dia 11/01/2014, sábado, das 08:00 ás 17:00 horas, no auditório Fernando Leite Mendes, sede da Secretaria de Cultura. As inscrições podem ser feitas no Conselho Municipal de Cultura ou pelo e-mail: cmcdeilheus@gmail.com A oficina tem duração de 8 horas. O curso é gratuito e conta com o apoio do Conselho Municipal de Cultura.

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

CONSELHO DE CULTURA APRESENTA CALENDÁRIO DE REUNIÕES PARA 2014

As reuniões do Conselho Municipal de Cultura continuarão sendo na última quarta-feira da mês, à exceção dos meses de fevereiro, junho e dezembro, conforme deliberação da última assembleia. Veja como ficou o calendário para 2014:

JANEIRO - DIA 29
FEVEREIRO - DIA 19
MARÇO - DIA 26
ABRIL - DIA 30
MAIO - DIA 28
JUNHO - DIA 18
JULHO - DIA 30
AGOSTO - DIA 27
SETEMBRO - DIA 24
OUTUBRO - DIA 29
NOVEMBRO - DIA 26
DEZEMBRO - DIA 17

As datas estão sujeitas a alterações, de acordo com a programação proposta. Caso isso ocorra, os conselheiros serão avisados com antecedência.

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

ROMUALDO LISBOA PEDE AFASTAMENTO E PAWLO CIDADE É O NOVO PRESIDENTE DO CONSELHO DE CULTURA DE ILHÉUS


Romualdo Lisboa não é mais o presidente do Conselho Municipal de Cultura. Por motivo de força maior, pediu afastamento temporário de um ano. Pela Lei 3.539, de 31/03/2011, e de acordo com o Regimento Interno do CMC o secretário geral, Pawlo Cidade,(foto) assume a presidência. Veja todos os detalhes da assembleia na ata do dia.


ATA DA ASSEMBLEIA ORDINÁRIA DO DIA 04 DE DEZEMBRO DE 2013

Aos quatro dias do mês de dezembro de dois mil e treze, às dezessete horas e quarenta e dois minutos teve início a assembleia ordinária do conselho municipal de cultura com a leitura da ata anterior e apresentação da seguinte pauta: 1) Apresentação e aprovação dos temas da II Roda de Exposições; 2) Andamento do Sistema Municipal de Cultura; 3) Apresentação do calendário de reuniões 2014; 4) Propostas efetivadas na III Conferência Nacional de Cultura; 5) Parecer da Praça do Esporte e da Cultura; 6) O que ocorrer.  Estiveram presentes, Maria do Carmo Ribeiro da Silva, Fabiene Ribeiro, Cristiane Passos, Antonio Sérgio Nunes Figueiredo, Raymundo Sá Barreto Neto, Sebastião Nicolau dos Santos, Romário Soares de Góes, Ciro Nonato dos Santos Filho, Agenor Filho (Nozinho), Romualdo Lisboa, Pitágoras Luna, Gildásio Rodrigues, André Luiz Rosa, Gilsonei Rodrigues, Pawlo Cidade e Andreza Mona. Ciro Nonato solicitou que na ata fosse colocada o pedido de renúncia de André Rosa, ventilado pelo mesmo na assembleia anterior. Como André Rosa não pediu formalmente, aguardou-se a chegada dele para que formalizasse o pedido. Maria do Carmo disse informou que haverá em Ilhéus uma escola de conselheiros da sociedade civil, com previsão de estabelecimento em março de dois mil e quatorze. Sebastião Nicolau solicitou um a parte pois não poderia ficar até o final da reunião e divulgou o encontro do Fórum de Agentes, Gestores e Empreendedores Culturais do Litoral que acontecerá em doze de dezembro de dois mil e doze, no Ilhéus Hotel, a partir das nove horas da manhã. Após as discussões iniciais apresentou-se o primeiro ponto de pauta: 1) Apresentação e aprovação dos temas da II Roda de Exposições. Surgiram as seguintes sugestões sobre a temática do encontro: a) construção de regimentos internos; b) o papel do conselheiro; c) relações institucionais; d) priorização das metas do PMC. Concluiu-se que a data do encontro seria definido na próxima assembleia. Sobre o segundo ponto de pauta: 2) Andamento do Sistema Municipal de Cultura, o suplente da Secretaria Municipal de Cultura informou que o MinC criou o portal para que as coisas sejam atualizadas. E que Ilhéus está alimentando o sistema. O secretário Paulo Atto está conversando bastante com a PROGER sobre as mudanças. Mas, até o momento nada foi efetivado. A Secult está esperando aprovação do orçamento da cultura; os editais estão sendo formatados. Vai se criar uma comissão para discussão dos editais. Gilsonei Rodrigues perguntou se o orçamento está vinculado aos recursos disponíveis no Fundo Municipal de Cultura. Pitágoras Luna informou que só teremos acesso aos recursos do fundo quando a secretaria tiver dotação orçamentária. No terceiro ponto de pauta: 3) Apresentação do calendário de reuniões de dois mil e quatorze, definiu-se que as assembléias continuariam sendo sempre na última quarta-feira do mês; no quarto ponto: 4) Propostas efetivadas na Conferência Nacional de Cultura, o secretário geral Pawlo Cidade, que esteve presente à Conferência, explanou sobre os pontos principais das discussões em Brasília e das prioridades elencadas pelos participantes. Se comprometeu ainda a enviar as sessenta e quatro diretrizes apontadas na Conferência Nacional para todos os conselheiros. No quinto e último ponto de pauta: 5) Parecer da Praça do Esporte e da Cultura, o presidente explicou o que havia sido decidido e encaminhado à Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Secretaria Municipal de Cultura; o secretário geral também informou que a empreiteira já havia recebido a segunda parcela dos recursos para dar reinicio à obra da PEC. Por fim, em “o que ocorrer”, André Rosa afirmou que está passando sua titularidade para Anarleide Menezes e que irá formalizar sua saída; comentou sobre o encontro da capoeira promovida pelo IPHAN e disse que o secretário está amadurecendo seu diálogo com os artistas ilheenses. Entretanto, houve discrepância na fala da secretária de educação no encontro da capoeira. Sugeriu ainda que criasse uma equipe para orientar nos editais que estão abertos. Gilsonei Rodrigues fez um pedido verbal para que a Secult disponibilizasse o espaço para construção de um projeto para o Carnaval Ouronegro. Antonio Figueiredo solicitou que fosse enviado para os conselheiros as minutas dos regimentos internos. Ciro Nonato informou o professor João César irá apresentar uma proposta de comemoração dos duzentos e vinte e cinco anos do levante do Engenho de Santana. Pediu ainda que o conselho encabeçasse uma campanha que o dia vinte de novembro, dia da consciência negra, fosse feriado na Bahia. Fabiene Ribeiro perguntou se haveria carnaval e quem irá administrar e se há alguma posição sobre a biblioteca e que a mesma fosse incluída na próxima pauta. Flávio Rebouças solicitou a inclusão do seu novo e-mail no mailling do conselho: fsbreboucas@hotmail.com e convidou todos para a Exposição fotográfica no foyer do Teatro Municipal de Ilhéus de 11 a 20 de dezembro, sob sua coordenação. Maria do Carmo informou sobre o primeiro fórum social permanente que acontecerá no dia 09/12, às 13 horas, na Câmara de Vereadores de Ilhéus com o seguinte tema: “O que você tem a ver contra a corrupção?” Por fim, o presidente Romualdo Lisboa convidou todos para o aniversário do espetáculo “Teodorico Majestade, as últimas horas de um prefeito” e solicitou oficialmente seu afastamento do Conselho Municipal de Cultura por um ano. Justificou dizendo que precisa cuidar de projetos pessoais e não gostaria de interromper algumas reuniões ou diretrizes do conselho. Com seu afastamento, o secretário geral assume a presidência e o suplente da secretaria passa a ser o secretário geral e haverá eleição para suplência da secretaria geral do CMC, de acordo com artigo 6º., inciso I, da Lei 3.539, de 31 de março de 2011.

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

MORRE JAMES AMADO, IRMÃO DE JORGE AMADO, AOS 91 ANOS


Morreu em casa, em Salvador, na Bahia, neste domingo (1º), aos 91 anos, o escritor James Amado, (FOTO) irmão caçula do também escritor Jorge Amado (1912-2001). Elizabeth Ramos, familiar do escritor, contou ao R7 que ele morreu cercado da família, vítima de falência múltipla dos órgãos. O sepultamento está marcado para às 17h de hoje, no cemitério Jardim da Suadade, em Salvador, onde o corpo será velado na Capela F.
Paloma Jorge Amado, filha de Jorge e sobrinha de James, lamentou a morte do tio em uma rede social.
— Estou rachada completamente destroçada. Meu pensamento está todo voltado para minha tia Luiza, mulher formidável, e para meus queridos Janaína, Inaê, Maurício e Fernanda, mais que primos, irmãos muito amados. Hoje é dia de dor e saudade.
Terceiro e último filho de João Amado de Faria e Eulália Leal Amado, James Amado nasceu em 1922 no sul da Bahia. Ele era o último irmão vivo de Jorge Amado.
James Amado era membro da Academia de Letras da Bahia desde 1990, na qual ocupava a cadeira de número 27.
Ele escreveu o romance Chamado do Mar, ambientado na cidade de Ilhéus. Além de escritor como o irmão, James também foi ativista político, já que integrou a área de Cultura do Partido Comunista Brasileiro por muitos anos.
Ele se casou três vezes: com Jacinta Passos, com Gisela Magalhães e também com Luiza Ramos Amado, filha do escritor Graciliano Ramos, sua última mulher. Ele deixa quatro filhos: Janaína, Inaê, Maurício e Fernanda.


FONTE: R7

sábado, 30 de novembro de 2013

QUARTA-FEIRA, 04 DE DEZEMBRO, TEM ASSEMBLEIA DO CONSELHO DE CULTURA

Fabiane Ribeiro (Binha) é titular da Câmara de Música do CMC

O presidente do Conselho Municipal de Cultura convoca todos os conselheiros e conselheiras para a assembleia ordinária com a seguinte pauta:

- Apresentação e aprovação dos temas da II Roda de Exposições do CMC;
- Andamento do Sistema Municipal de Cultura; 
- Apresentação do calendário de reuniões para 2014;
- Propostas efetivadas na Conferência Nacional de Cultura;
- Parecer da Praça do Esporte e da Cultura;
- O que ocorrer.

O quê? Assembleia ordinária do CMC
Quando? 04 de dezembro de 2013 (quarta-feira)
Onde? Secretaria Municipal de Cultura
Que horas? 17:00 horas (primeira convocação)

Contamos com a presença de todos.


Atenciosamente,


Pawlo Cidade
Secretário Geral
Conselho Municipal de Cultura
Ilhéus - Bahia

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

ASSEMBLEIA ORDINÁRIA DO CMC SERÁ TRANSFERIDA PARA DEZEMBRO

A assembleia ordinária marcada para o dia 27 de novembro de 2013 será transferida para o dia 04 de dezembro. Os conselheiros e a comunidade que quiser contribuir com pontos de pauta já podem enviar suas contribuições até o dia 30/11 para o e-mail: cmcdeilheus@gmail.com 


quinta-feira, 14 de novembro de 2013

VAMOS MOBILIZAR O MUNICÍPIO PARA REALIZAR A CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL


Prezado Conselheiro.

O Ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira, convocou a 2ª Conferência Nacional de Proteção e Defesa Civil – 2ª CNPDC, por meio da Portaria, nº 482, de 29 de outubro de 2013. O tema desta segunda edição é “Proteção e Defesa Civil: novos paradigmas para o Sistema Nacional”. Entre novembro de 2013 e maio de 2014, serão realizadas diversas etapas por todo o País, abrangendo Conferências Municipais, Intermunicipais, Estaduais e Distrital, Conferências Livres e Virtuais e a Etapa Nacional.

No dia 06 de novembro, iniciaram as etapas municipais e contamos com você, conselheiro, para mobilizar o governo local para que convoque e realize as conferências aí na sua região ou município. Contamos também com a sua presença e participação ativa em cada uma dessas etapas. Sabemos que os Conselhos de Políticas Públicas são instâncias máximas de Controle Social, e que este é um dos meios mais concretos de se efetivar a participação popular nos processos conferenciais.

Faça a 2ª CNPDC chegar ao seu município!
Coordenação-Executiva da 2ª Conferência Nacional de Proteção e Defesa Civil
Mais informações: (61) 2034-4012/4014. E-mails:

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

CONSELHO DE CULTURA EMITE PARECER SOBRE A PRAÇA DOS ESPORTES E DA CULTURA


Ilhéus, 07 de novembro de 2013


Ilmo. Sr.
Paulo Roberto Batista dos Santos
DD. Secretário Municipal de Cultura
Assunto: PARECER 002/2013


Premissa:

O presidente da Associação dos Moradores do bairro Nossa Senhora da Vitória, Sr.Manoel da Hora, protocolou junto ao CMC, dia 27/09/13, um ofício solicitando que acompanhássemos mais de perto as obras do Centro de Artes e Esportes Unificados – CEUs das Artes, também conhecido como Praça dos Esportes e da Cultura, que está sendo construída naquela localidade. Motivo: Paralisação das obras.

O objetivo das CEUs Centros de Artes e Esportes Unificados é integrar num mesmo espaço físico, programas e ações culturais, práticas esportivas e de lazer, formação e qualificação para o mercado de trabalho, serviços sócio-assistenciais, políticas de prevenção à violência e inclusão digital, de modo a promover a cidadania em territórios de alta vulnerabilidade social das cidades brasileiras.

Esclarecimentos:

No ofício, encaminhado pela Associação, o presidente informa que as obras estão paralisadas há mais de oito meses. Em atendimento à solicitação colocamos o assunto como ponto de pauta na assembleia ordinária do dia 30/10/2013. Antes disso, verificamos junto ao Ministério da Cultura - MinC o status e a mobilização social indispensáveis ao andamento da obra e fomos informados oficialmente, através de e-mail datado de 16/10/2013, que o Ministério tem ciência de que a obra de Ilhéus está paralisada e não em andamento conforme atesta o site dos CEUs (http://ceus.cultura.gov.br/). O Ministério informou ainda que a obra foi interrompida porque a empreiteira contratada descobriu que o projeto de fundações estava incompleto, faltando a parte relativa à quadra poliesportiva. Diante disso, o município teve que refazer o projeto de fundação e reprogramar o plano de trabalho junto a Caixa Econômica.

Outrossim estão disponibilizados na Caixa R$ 300.403,19 (de um total de R$ 1.970.386,36), que aparece no site do CEUs como “financeiro executado.” Isto não significa afirmar que a Prefeitura de Ilhéus utilizou integralmente estes recursos. Atesta apenas que os mesmos estão aprovados para uso imediato, já que os recursos são liberados conforme a realização de medições da obra pelo engenheiro responsável pela fiscalização da mesma. Do montante disponível até o momento foram executados R$ 64.150,98.

Até o mês de dezembro será executado mais R$ 45.318,11 que já foi liquidado, autorizado, e deverá ser pago para que a empreiteira reinicie as obras. Segundo o engenheiro da PMI, Hermano Fahning, o equipamento está planejado para ser concluído até junho de 2014.

Conclusão:

Ficam dirimidas todas as dúvidas sobre a paralisação e recursos disponíveis para a Praça dos Esportes e da Cultura. Vale ressaltar que todo o processo corre normalmente e que a Prefeitura Municipal de Ilhéus, via Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Secretaria Municipal de Cultura, vem tomando todas as providências necessárias para a sua conclusão, estando em contato permanente com o Ministério da Cultura e à Caixa Econômica Federal. O Conselho Municipal de Cultura cumpre seu papel de articulador e mediador entre a sociedade civil e o poder público (art. 2º., inciso X, da Lei 3.539/2011).

A sociedade civil organizada continuará a cobrar da prefeitura as providências necessárias. E o CMC acompanhará sua construção e funcionamento. O MinC informa que os recursos para a construção do equipamento estão disponíveis para o município, cabendo apenas que o mesmo cumpra a sua parte no contrato.


Ilhéus, 07 de novembro de 2013.


Romualdo Lisboa dos Santos
Presidente
CMC


Pawlo Cidade
Secretário Geral
CMC



quinta-feira, 31 de outubro de 2013

SECRETARIA DE CULTURA REÚNE LÍDERES CULTURAIS DE DIVERSOS SEGMENTOS PARA DISCUTIR PROJETOS E AVALIAR A MELHOR MANEIRA DE EXPANDIR AS ATIVIDADES DAS CLASSES.


A Secretaria de Cultura da Prefeitura de Ilhéus (Secult) inseriu na sua programação um roteiro de visitação às comunidades Ilheenses, para desenvolver e possibilitar a  criação de novos projetos  sociais através de uma interação com a população. O programa, denominado Diálogos Culturais, serve para promover o contato direto da gestão com as comunidades e é uma maneira de verificar a necessidade de cada grupo, já que dentro das localidades há diversos contextos artísticos.

O próximo encontro vai acontecer na quarta-feira, dia 6 de novembro, às 14 horas, no Auditório Sosígenes Costa, na sede da Secretaria de Cultura, com grupos de Cultura Popular. No dia 22 de outubro, o titular da pasta, Paulo Atto, reuniu-se, também na sede da Secult, com integrantes de grupos de dança e capoeira e, na tarde seguinte (dia 23), participou de um encontro, na sede da Fundação Maramata, com grupo de representantes de terreiros de candomblé. 

Conforme explica o titular da Secult, Paulo Atto, a intenção é expandir o diálogo com os diversos segmentos para avaliar as necessidades e também orientar a administração municipal para que as programações culturais de cada comunidade sejam elaboradas de acordo a necessidade ou projeto de cada um. “É muito importante  este entrosamento com as comunidades, através desse processo, nós  conheceremos as necessidades culturais e os tipos de projetos que cada um deseja expandir nos bairros”, afirma o secretário.

Os encontros se dão com os líderes culturais de cada segmento, já que todos eles contextualizam a cultura da cidade. Segundo o secretário, a construção de uma política pública cultural com a participação das comunidades tem a intenção, também, de gerar uma melhor socialização entre os diversos segmentos. “Nos primeiros contatos com os grupos já foi possível constatar a necessidade dessa interação, como forma de expansão dos conhecimentos e atividades a serem realizadas”, ressalta.

Fonte: ASCOM/PMI



terça-feira, 29 de outubro de 2013

NOVA CONVOCAÇÃO PARA ASSEMBLEIA ORDINÁRIA A SER REALIZADA AMANHÃ, DIA 30 DE OUTUBRO


Prezados(as) Conselheiros(as),

Da ordem do presidente do CMC, Romualdo Lisboa, convocamos todos os Conselheiros e Conselheiras para reunião ordinária no dia 30 de outubro de 2013, a partir das 17:00 horas, na sede da Secretaria Municipal de Cultura, com a seguinte pauta:

  • Praça do Esporte e da Cultura;
  • Fundo Municipal de Cultura (recursos disponíveis);
  • Regimentos internos das Câmaras Temáticas e reuniões 2014;
  • Atualização cadastral;
  • Posse do novo titular de Câmara de Cultura Popular;
  • O que ocorrer.


Aguardamos a presença de todos.

Atenciosamente,

Pawlo Cidade
Secretário Geral
CMC - Ilhéus
73.8874.0380/9998.2555


sábado, 26 de outubro de 2013

ADESÃO AO SNC ESTÁ MAIS FÁCIL


O Ministério da Cultura está disponibilizando uma plataforma digital que tem como objetivo automatizar o processo de adesão ao Sistema Nacional de Cultura e estruturação dos sistemas culturais nos estados e municípios. Com a automação do sistema de adesão – que vai desde a solicitação do ente federado até a assinatura do Acordo de Cooperação Federativa e sua publicação no Diário Oficial da União – o MinC pretende, não apenas oferecer mais facilidades aos municípios no processo, mas também diminuir as possibilidades de diligências.

"A automação do processo de gestão e monitoramento dos Acordos de Cooperação Federativa para o desenvolvimento do Sistema Nacional de Cultura (SNC) possibilitará a governança necessária à tramitação dos acordos de cooperação e monitoramento da implantação dos sistemas de cultura, tornando possível o acompanhamento dos planos de trabalho e a realização dos compromissos assumidos, decorrente da assinatura dos Acordos de Cooperação", afirma o secretário de Políticas Culturais, Américo Córdula .

"Uma dos motivos de 40 % das diligências que temos atualmente é o erro no número de CNPJs e de CPFs", afirma o secretário de Articulação Institucional, Bernardo Mata Machado. "O novo sistema não aceitará número de documentos inválidos e com a exclusão do preenchimento de formulários economizaremos 80% do consumo de papel", acrescenta Machado.

Segundo ele, a partir de hoje o MinC está enviando,  para as Representações Regionais do Ministério da Cultura em todas as regiões, material contendo orientações básicas para subsidiar os municípios que solicitarem adesão ao SNC. "Em seguida, será realizado um treinamento em cada Representação Regional do MinC, momento em que os procedimentos serão melhor detalhados para a equipe da Regional e consultores", informa Mata Machado.

terça-feira, 22 de outubro de 2013

IPHAN IRÁ PROMOVER ENCONTRO DE CAPOEIRA EM ILHÉUS


A Superintendência do Iphan na Bahia realizará em novembro o ciclo de seminários "Salve a Capoeira: Construção do Plano de Salvaguarda e do Conselho Gestor da Capoeira na Bahia", tendo em vista que se trata de bem registrado como patrimônio cultural do Brasil desde 2008.

Seguindo as diretrizes do Programa Nacional de Patrimônio Imaterial, o objetivo principal deste ciclo de seminários é articular os capoeiristas para que tenham protagonismo na formulação de políticas para a salvaguarda da Roda de Capoeira e do Ofício de Mestre de Capoeira. Os objetivos específicos desta ação são:

Traçar diretrizes para o Plano de Salvaguarda da Capoeira na Bahia; 
Dar encaminhamento à formação do Conselho Gestor da Salvaguarda da Capoeira na Bahia;
Discutir a regulamentação da profissão de capoeirista.
Tais seminários serão realizados em Salvador, Feira de Santana, Vitória da Conquista e Ilhéus. 

Em Ilhéus o evento será realizado no Centro de Convenções de Ilhéus, com data prevista para o dia 23 de novembro. Além da própria cidade de Ilhéus, deverão participar grupos dos seguintes municípios da região Sul e Baixo Sul: Itabuna, Valença, Ituberá, Camamu, Ipiaú, Ubaitaba, Itacaré, Camacan, Una, Cairu, Taperoá, Gandu e Canavieiras. 

Serão disponibilizadas gratuitamente vans em cada um destes municípios para o deslocamento dos capoeiristas para o evento em Ilhéus, sendo admitidos até 2 representantes por grupo/associação de capoeira em cada van, preferencialmente o Mestre e Contra-Mestre.

A programação provisória do evento é a que segue:

08 h. Cadastramento e distribuição de material
09h. Mesa de abertura com mestres e representantes de órgãos públicos que executam políticas relacionadas à capoeira (Iphan; FCP, CCPI/Secult/BA; SETUR/BA; IPAC; Secretaria Municipal de Cultura de Ilhéus)
09:30h. Apresentação das diretrizes para formação de Conselho Gestor da Salvaguarda e de Planos de Salvaguarda de Bens Registrados; Apresentação da síntese das discussões realizadas nos Seminários Pró-Capoeira e proposição dos temas para discussão nos grupos de trabalho;
10:30. Intervalo/café.
11 hs. Início das discussões dos GTs
12:30. Almoço
13:30. Continuação das discussões dos GTs
15:30. Intervalo/café
16 h. Assembléia final: apresentação e votação das diretrizes elaboradas pelos GTs; indicação de composição do Conselho Gestor.
18 hs. Encerramento/ roda de capoeira

Os promotores do evento solicitam do Conselho Municipal de Cultura apoio nas seguintes atividades:

Divulgação do Seminário em meio à comunidade da capoeira, assim como entre as entidades ligadas à cultura popular e cultura afro-brasileira;

Parecer sobre as cidades listadas no entorno de Ilhéus, em termos da relevância da capoeira nas mesmas.

Indicação de contatos de mestres e grupos de capoeira em Ilhéus e nas cidades indicadas;
Indicação de contatos de entidades ligadas à cultura popular e cultura afro-brasileira (rede Matamba Tombenci Neto e outras);

Eventuais apoios logísticos para a equipe de produção do evento, especialmente no que tange à indicação de um articulador em cada cidade para auxiliar a inscrição de capoeiristas participantes no evento. É interessante que tenhamos o mais breve possível a lista de inscritos em cada cidade, podendo organizar assim o transporte com vans para o evento.

Maiores informações:

Maria Paula Fernandes Adinolfi
Antropóloga
Núcleo de Patrimônio Imaterial - Iphan/BA
Rua Visconde de Itaparica, 08, Barroquinha
Salvador - BA CEP 40024-080
Tel. 71 33210133 r. 207/ 71 91486756


DEFINIDA AS PAUTAS DA PRÓXIMA ASSEMBLEIA ORDINÁRIA


Prezados(as) Conselheiros(as),

Da ordem do presidente do CMC, Romualdo Lisboa, convocamos todos os Conselheiros e Conselheiras para reunião ordinária no dia 30 de outubro de 2013, a partir das 17:00 horas, na sede da Secretaria Municipal de Cultura com a seguinte pauta:

·         Praça do Esporte e da Cultura;
·         Fundo Municipal de Cultura (recursos disponíveis);
·         Regimentos internos das Câmaras Temáticas e reuniões 2014;
·         Atualização cadastral;
·         Posse do novo titular de Câmara de Cultura Popular;
·         O que ocorrer.

Aguardamos a presença de todos.


Atenciosamente,


Pawlo Cidade
Secretário Geral
CMC - Ilhéus
73.8874.0380/9998.2555


sexta-feira, 18 de outubro de 2013

CENTRO DE ARTES E ESPORTES UNIFICADOS SERÁ UMA DAS PAUTAS DO CMC ESTE MÊS


O Centro de Artes e Esportes Unificados - CEU, antes denominado de Praças dos Esportes e da Cultura, será uma das pautas do Conselho no próximo dia 30 de outubro. O pedido de inclusão desta pauta partiu da Associação de Moradores do bairro Nossa Senhora da Vitória. Segundo seu presidente, Manoel da Hora, a obra está paralisada há mais de seis meses no bairro e ele teme pela perda do investimento caso a obra não se concretize.

A Secretaria Municipal de Cultura é responsável pelo acompanhamento da obra. O Secretário Paulo Atto informou que "todas as providências para o andamento da obra já foram tomadas. Agora é só aguardar os trâmites legais." 

O Conselho Municipal de Cultura consultou o Ministério da Cultura sobre a praça de Ilhéus e a resposta do técnico confirma a informação de Paulo Atto: "Ao iniciar a obra, a empresa descobriu que o solo possuía características diferentes do que foi projetada a fundação, diante disso, o município teve que refazer o projeto de fundação e reprogramar o plano de trabalho junto a Caixa Econômica."

Segundo o técnico Anderson Bellas, do MinC, nesse momento o "reinício da obra depende da agilização dessa pendência da prefeitura junto a Caixa Econômica. Cabe a comunidade cobrar da prefeitura que seja tomada as providências necessárias. Informo que os recursos para a construção do equipamento estão disponíveis para o Município."

Recentemente, a ASCOM da PMI publicou uma matéria sobre as providências que estão sendo tomadas. VEJA AQUI. 

terça-feira, 15 de outubro de 2013

SECRETÁRIO GERAL DO CONSELHO DE CULTURA DE ILHÉUS É ELEITO PARA O CONSELHO ESTADUAL DE CULTURA


“Quero propor ações para fortalecer as ações dos conselhos municipais”, 
disse o recém-eleito Pawlo Cidade.” Foto: Ascom

Os Territórios de Identidade da Bahia serão representados no Conselho Estadual de Cultura. O órgão, responsável por fiscalizar e contribuir com as políticas culturais do Estado da Bahia, anunciou no domingo, 13, o nome de 20 novos conselheiros que assumem o cargo a partir de 2014. Todos são representantes de Territórios de Identidade. A eleição aconteceu durante a V Conferência Estadual de Cultura da Bahia, na Cidade do Saber, em Camaçari.

Com uma metodologia informatizada, a eleição teve início por volta das 14h20 e foi encerrada às 16 horas. A apuração dos votos durou cerca de uma hora. Em seguida, o presidente do Conselho Estadual de Cultura, Márcio Caires, anunciou os nomes dos eleitos no Teatro da Cidade do Saber, diante de uma plateia ansiosa pelo resultado do pleito.


Metade dos eleitos será titular e os demais serão suplentes. Tinham direito a voto os delegados municipais, territoriais e setoriais eleitos nas respectivas conferências de cultura, além dos delegados natos.

Essa nova configuração do Conselho Estadual de Cultura garantirá que o órgão, em 2014, seja composto por 1/3 de representantes territoriais, 1/3 de representações setoriais e 1/3 do poder público, como é previsto na Lei Orgânica de Cultura da Bahia (Lei 12365/11), aprovada em 2011.

Alguns eleitos terão mandatos de quatro anos, enquanto outros ficarão no cargo por dois anos. Essa é uma medida que manterá uma permanente alteração no órgão, sem que toda a sua estrutura seja mudada e não haja interrupção dos trabalhos em períodos como a troca de governos.

Foi garantido também que durante a eleição não houvesse repetição de representantes de Territórios de Identidade. A publicação oficial dos eleitos será nesta terça-feira, 15, no Diário Oficial do Estado da Bahia. Já a posse dos membros será dada e convocada pelo secretário de Cultura da Bahia, em Sessão Plenária do Conselho Estadual.

ELEITOS – Um dos eleitos é o presidente do Colegiado Setorial de Teatro, João Paulo Couto Santos, conhecido como Pawlo Cidade, que representa o Território Litoral Sul. “O território foi apenas uma porta de entrada para o Conselho, mas eu vou sempre trabalhar em prol da cultura de todo o estado da Bahia. Também quero propor ações para fortalecer as ações dos conselhos municipais porque os conselhos são os principais instrumentos para o Sistema Municipal de Cultura”, disse, em tom de empolgação após saber da vitória.

Membro do Colegiado Setorial de Literatura, Jorge Carrano, também eleito, promete tornar o Conselho mais participativo em função da sociedade civil: “O Conselho tem que se repaginar, se rever, ser mais participativo e fiscalizador. Ser um fórum da sociedade civil. Isso já vem acontecendo com o Conselho, mas com o aparato dos colegiados ficará melhor”, completou.

Carrano lembra que os membros dos Colegiados Setoriais trabalham de modo articulado e pretendem repassar esse mesmo espírito para o Conselho. Ele parabenizou o trabalho de toda a Comissão Eleitoral, considerada ágil e transparente.

HISTÓRICO – Criado em 1967 como órgão colegiado à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA), o Conselho Estadual de Cultura sempre foi composto por representantes da sociedade civil indicados pelo governo do Estado.


A Lei Orgânica da Cultura da Bahia (12365/11), aprovada em 30 de novembro de 2011, mudou essa regra e prevê que a indicação dos conselheiros da sociedade civil deve ser feita por meio de eleição, atendendo a critérios que contemplem segmentos culturais, processos do fazer cultural e territorialidade, na forma definida em ato do Poder Executivo.

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

NOTA OFICIAL DO PRESIDENTE DO CONSELHO ESTADUAL DE CULTURA

NOTA

Salvador, 07 de outubro de 2013

Conselheiras e Conselheiros Municipais de Cultura,

Convidamos todos a darmos início a uma discussão sobre o procedimento de definição do representante titular e do suplente para ocupar as vagas do Fórum dos Conselhos Municipais de Cultura no Conselho Estadual de Cultura da Bahia. O novo regimento interno do Conselho Estadual estabelece que estas vagas serão ocupadas a partir do ano de 2014. Logo, necessitamos definir estes nomes (um titular e um suplente) até o final do mês de novembro pra encaminharmos a publicação do decreto ainda este ano.

O objetivo é que o Fórum dos Conselhos Municipais de Cultura tenha autonomia na definição dos seus representantes para o Conselho Estadual. Depois do Encontro do Fórum realizado em Feira de Santana, em conjunto com o Fórum dos Dirigentes Municipais de Cultura, entre os dias 27 a 29 de maio de 2013, o Conselho Estadual de Cultura iniciou um cadastro dos conselhos que estão ativos, procedimento que ainda está em andamento, e também iniciou uma rediscussão do papel dos conselhos de cultura, dando visibilidade a ações dos conselhos municipais no portal www.conselho.cultura.ba.gov.br e redes sociais, além de orientações aos municípios em relação ao funcionamento e instalação de seus conselhos.

Devido ao contingenciamento dos recurso da Cultura no Estado,não será possível a realização de um segundo encontro do Fórum dos Conselhos Municipais, ainda neste ano. Assim, estamos tentando articular a possibilidade de um encontro  com os conselheiros municipais de cultura que forem participar da Conferência Estadual de Cultura da Bahia, nos próximos dias 12 e 13 de outubro, em Camaçari.

Devemos avaliar a possibilidade de efetuarmos a eleição das vagas para o Conselho Estadual entre os representantes territoriais do Fórum, eleitos em Feira de Santana. Caso seja esse o encaminhamento, esta possibilidade facilita o processo de decisão, já que são em torno de 20 pessoas.

Então abrimos aqui esta discussão pra amadurecermos este processo e também organizarmos um encontro durante a Conferência Estadual.

Saudações a todos,

Márcio Caires
Presidente do Conselho Estadual de Cultura da Bahia

Normelita Oliveira
Presidente da Comissão dos Conselhos Municipais, Colegiados Setoriais, Fóruns e Coletivos de Cultura



segunda-feira, 7 de outubro de 2013

APLAUSOS PARA A CONFERÊNCIA SETORIAL DE TEATRO DA BAHIA

Foto: Gabriel Camões

A classe teatral da Bahia foi um dos segmentos que elegeu representantes setoriais para a V Conferência Estadual de Cultura, que acontecerá entre os dias 12 e 13 deste mês, em Camaçari. Além da eleição que escolheu dois representantes do poder público e três da sociedade civil, o segmento também discutiu e formulou propostas para o Plano Setorial de Teatro.

“Esse momento representa a participação da sociedade na construção da cultura. Não se tem como trabalhar longe das demandas da sociedade. É preciso estar junto da sociedade civil para cumprir o papel de inserção para a transformação social”, explica Maria Mariguella, eleita como representante do poder público.

PLANO SETORIAL DE TEATRO – O plano setorial foi formulado seguindo o Plano Nacional de Cultura, Plano Nacional Setorial de Teatro e Plano Estadual de Cultura da Bahia. As propostas são norteadas pelos eixos de Estado, diversidade, acesso, desenvolvimento sustentável, participação social, formação, transversalidade.

“A conferência é o inicio da construção do plano setorial. É o encontro de gente que faz teatro para que nossa linguagem tenha uma dimensão mais ampla”, explica o eleito como representante da sociedade civil e também membro do setorial de teatro, Gordo Neto.
PROPOSTAS – Dentre as propostas destacam-se a implementação de política de apoio ao teatro, promoção à diversidade nas manifestações teatrais e incentivo do teatro na escola. Também foram elencadas sugestões de realização de cursos e oficinas que promovam o teatro na periferia, chamadas públicas para realização de espetáculos em espaços públicos e ônibus e a criação de uma comissão para elaborar uma matriz curricular de teatro nas escolas.

Confira abaixo a lista de delegados do setorial de Teatro eleitos para a V Conferência Estadual de Cultura:
Poder Público

Maria Mariguella – 1º Titular – 9 votos
Paulo dos Santos – 2º Titular – 6 votos
Elivelton Cândido Salles – 1º Suplente – 5 votos
Eujacio Muniz – 2º Suplente – 4 votos

Sociedade Civil

Gordo Neto -  1º Titular – 7 votos
Luciano Santana – 2º Titular –  6 votos
Ivana Santana – 3º Titular – 5 votos
Anderson Guimarães – 1º Suplente – 4 votos
Maiara Santana – 2º  Suplente – 3 votos
Adão Duarte – 3º Suplente – 2 votos


O presidente do Colegiado Setorial de Teatro na Bahia é o Secretário Geral do CMC de Ilhéus, Pawlo Cidade.Como foi eleito na Conferência Municipal de Cultura como delegado direto da Conferência Estadual, não concorreu pela Setorial.